x

Menu

Artigos / Artigos

Thinking Environment no Brasil: ontem e hoje

Artigos

 Munzner

“A mente que tem os problemas, também tem a solução”, diz Nancy Kline, criadora do Thinking Environment. Traduzido para o português como “Ambiente para Pensar” ou “Ambiente de pensamento”, é uma metodologia norte-americana com diversas aplicações. Funciona tanto em empresas, em reuniões, em conflitos entre equipes, quanto no processo de coaching ou em relacionamentos pessoais.

O Thinking Environment chegou no Brasil através da Munzner (como parte da Virtus Desenvolvimento Integral) e está crescendo cada vez mais. Nossa visão, amparada pela visão da Nancy, é criar comunidades que se multipliquem, que não sejam só mais um movimento passageiro, mas consistentes com um trabalho de longo prazo. Já imaginou um mundo onde todos consigam pensar de forma independente, leve e verdadeira?

thinking environment no brasil

Um lugar no qual as pessoas interajam com confiança, sinceridade e respeito à diversidade? Que todos consigam atingir seus potenciais máximos? Afinal, sonhar nunca é demais.

Neste artigo queremos mostrar para você o panorama do Thinking Environment: como nasceu, como surgiu no Brasil e como está hoje no nosso país. Acompanhe:

  • Thinking Environment: onde nasceu
  • Como veio ao Brasil
  • O Thinking Environment hoje
  • Alguns números de 2017 

thinking environment no Brasil

Thinking Environment: onde nasceu

A Time To Think, empresa fundada por Nancy Kline para disseminar o ensino do Thinking Environment, começou em 1984 e surgiu do trabalho de consultoria e ensino de Nancy perto de Washington, DC, onde atuou como Diretora Fundadora da The Thornton Friends School por doze anos e como Diretora do The Leadership Institute por seis anos.

Nancy se ocupou com a pergunta “como podemos ajudar as pessoas a pensarem de forma independente?” desde muito cedo. Ela começou então a observar como grupos interagiam e que alguns chegavam em resultados muito superiores à outros e mais rapidamente.

Ela criou, então, uma hipótese e passou a observá-la referenciando-se em pesquisas da neurociência, filosofia, espiritualidade, psicologia positiva e uma mistura de outras escolas.

thinking environment no Brasil

Nancy Kline, criadora do Thinking Environment

.Ao longo dos anos, Nancy concluiu que a qualidade das ações dependia da qualidade do pensamento gerado antes da ação. E que a qualidade do pensamento depende de como estamos sendo tratados enquanto pensamos.

Ou seja: da qualidade das relações. nosso pensamento depende da qualidade das relações. Disso surgiram os 10 componentes, formas de tratar a outra pessoa.

Quanto mais se tem a presença deles, mais qualidade de pensamento a outra pessoa ou o grupo todo ganha. E o nível de engajamento, confiança e comprometimento vai subindo.

thinking environment no Brasil

.Nancy nasceu e cresceu no Novo México (EUA) e vive na Inglaterra com seu marido, Christopher Spence, que é uma das pessoas que apontou para ela que ela estava construindo algo que poderia se transformar em uma metodologia e uma maneira de ser.

Inclusive Nancy demorou alguns anos para testar isso com indivíduos e empresas. E assim surgirem pessoas que, como nós, queriam aprender a criar um Thinking Environment e, mais tarde, ensinar os outros.

Como veio ao Brasil

O Thinking Environment chegou no Brasil recentemente, em 2013. Apesar de trazer resultados profundos e já existir há mais de 30 anos fora do Brasil, ele só está começando a ser disseminado por aqui.

“Eu conheci isso na África do Sul, quando fomos enviados à trabalho do governo alemão para a Zâmbia e vivemos numa complexidade que pedia novas abordagens de gestão mais eficientes e focadas no que a realidade pedia, e não no que a gente queria que desse certo. Foi tão marcante conhecer e aplicar em meu contexto este trabalho que decidi trazê-lo ao Brasil quando optamos por retornar pra cá em 2013”, disse Ana Munzner.

thinking environment no Brasil

Ana e Steffen Munzner

“Desde lá, viemos aprendendo e ensinando – e nos qualificando com cada vez mais profundidade para dar os cursos certificados pelo Time to Think”, contou Ana.

O Thinking Environment hoje

Apesar de ser um curso com turmas pequenas e exclusivas, a comunidade de Thinking Environment tem crescido. “Neste ano nós contamos com Trisha Lord, consultora da África do Sul, para dar cursos mais avançados no Brasil. Ela já ajudou a formar sete facilitadores, além de Steffen e eu. Além disso, mais dez estão em formação”, relata Ana.

Trisha Lord sendo entrevistada

A formação em Thinking Environment possui vários caminhos, tanto para ser um facilitador, quanto para ser coach certificado de Thinking Environment pela empresa Time to Think, fundada pela Nancy para ensinar esta abordagem profissionalmente. Atualmente há um total de seis coaches credenciados no Brasil. Segundo Ana, o Thinking Environment é “uma jornada de aprendizagem sem fim”.

No momento há apenas três pessoas no Brasil com o nível de formação mais alta formalmente alcançada, que é a de consultor. Se você quer ser parte deste trabalho pioneiro, informe-se sobre as diferentes qualificações certificadas. Recomendamos a leitura “Qual é o curso certo para você”.

Alguns números de 2017 do Thinking Environment no Brasil

Em 2017, a Munzner realizou cursos em diversas cidades do país. Alguns número de tudo que aconteceu:

  • 5 master classes
  • 2 cursos de Fundamentos do Thinking Environment (Curitiba e Rio de Janeiro)
  • 4 cursos de Thinking Partnership (Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo)
  • Vários cursos in company sobre como transformar reuniões (São Paulo)
  • 2 cursos de Thinking Environment: diversidade (São Paulo)
  • 2 cursos de mentoria (São Paulo)
  • 3 consultores de Thinking Environment (Curitiba e Rio de Janeiro)
  • 6 coaches formados (várias regiões)
  • 10 pessoas a caminho de se tornar facilitadoras de Thinking Environment
  • 6 comunidades de prática (Curitiba)
  • E centenas de pessoas que já tiverem contato através de cursos curtos, palestras e apresentações

Cada vez mais pessoas estão disseminando o Thinking Environment e reconhecendo o valor dos resultados que ele traz. De acordo com Steffen Munzner, “é a maior felicidade ver quando as pessoas percebem o que significa pensar e falar sem interrupção, respeitando igualdade, mesmo estando dentro de uma hierarquia. Quando os líderes escutam todo mundo, a decisão fica mais rica e assertiva”.

thinking environment no Brasil